Tags

, ,

Feliz Dia das MãesAo aproximar-se o Dia das Mães, preocupamo-nos com presentes, flores e boas atitudes nossas, para tornar o dia feliz para nossa mãe. E assim devemos fazer mesmo.

A nossa programação no Dia das Mães deve incluir a reunião com a família cristã. Não há nada melhor para fazer pela mãe do que estar juntos na igreja de Deus.

A mãe de Jesus disse: “Façam o que ele mandar” (João 2.5 NTLH), pois sabia que a obediência a Jesus traria benefícios a todos.

Hoje, a obediência a Jesus inclui a participação plena na igreja de Cristo.

Usando a figura da igreja como corpo humano, Paulo escreveu:

De fato, existem muitas partes, mas um só corpo. Portanto, o olho não pode dizer para a mão: Eu não preciso de você. E a cabeça não pode dizer para os pés: Não preciso de vocês (1 Coríntios 12.20-21).

Ficamos bem espiritualmente somente quando estamos juntos servindo uns aos outros e cumprindo a nossa função no corpo de Cristo.

Desse modo não existe divisão no corpo, mas todas as suas partes têm o mesmo interesse umas pelas outras. Se uma parte do corpo sofre, todas as outras sofrem com ela. Se uma é elogiada, todas as outras se alegram com ela. Pois bem, vocês são o corpo de Cristo, e cada um é uma parte desse corpo. Na Igreja, Deus pôs tudo no lugar certo: … (1 Coríntios 12.25-28).

Não se pode falar por todas as mães, mas elas geralmente se sentem orgulho dos seus filhos quando estes cumprem seus deveres e responsabilidades como bons cidadãos e gente madura. Nada mais natural, portanto, do que o cristão continuar cumprindo seu papel na casa de Deus. A idoneidade na piedade cristã deve deixar qualquer mãe orgulhosa.

Neste domingo, no meio das atividades do dia especial para a mãe, vamos honrá-la ao honrar acima de qualquer ser humano o nosso Deus e criador. Se a mãe nos trouxe a este mundo, foi Deus quem nos deu a vida.

About these ads